Sub-categorias

Notícia

Desafio

Fernando Sobral

Desafio

Justin Vernon parece querer abrir o seu próprio mundo paralelo.
  • 0
  • 0
Por Fernando Sobral|15.10.16
  • partilhe
  • 0
  • 0
Há discos que desafiam todas as nossas certezas. E ‘22, A Million’ de Justin Vernon (ou melhor, Bon Iver), é claramente um deles. Não se encontra aqui um padrão ou um território concreto onde o músico se move e isso destrói-nos todas as certezas.

O seu primeiro disco, criado numa cabana num bosque do Wisconsin, tornou-se um farol para percebermos tudo o que ele foi fazendo a seguir. Como se prova agora. Vernon é um alquimista que prefere arriscar com experiências sonoras em vez de apostar nas canções tradicionais e esse é o seu trunfo.

Neste seu terceiro álbum isso é notório. Há aqui uma verdadeira mina de ouro para explorarmos devagar, sem sabermos o que nos poderá reservar cada descoberta. A cada oportunidade Vernon subverte as tradições musicais e por isso não surpreende encontrarmos vestígios do som do banjo ou da guitarra acústica ao lado dos sintetizadores e da voz sempre muito manipulada. Vernon parece um músico que está farto das melodias convencionais e quer abrir o seu próprio mundo paralelo.

Todo o disco ilustra perfeitamente esta filosofia muito própria do músico que, em tempos, chegou a estar muito próximo das influências do hip-hop mas que tem o seu próprio território de caça musical. Não sendo fácil de catalogar escorrega por entre as nossas tentativas de o colocar numa estante. É isso que torna este disco tão inovador e tentador. A sua volta de falsete é quase a linha que une todo o disco, tornando visíveis as suas emoções mais fortes. Este é um disco para quem gosta de arriscar fazer. E arrisca ouvir coisas diferentes.
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)