Sub-categorias

Notícia

Blog

Francisco José Viegas

Blog

O PC é uma muralha letal que tanto proíbe o "quadro de honra" nas escolas como falsifica a História para que ninguém se queixe de ter sido derrotado ou ninguém tema ser quem é.
  • 0
  • 0
Por Francisco José Viegas|04.12.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
Durante a bela conversa (700 pessoas ao ar livre, ao princípio da noite de sexta-feira passada, 4 graus, mantas nos joelhos) entre Michael Palin e Ricardo Araújo Pereira, no Festival Literário de Viseu (Tinto no Branco), o membro dos Monty Python referiu-se ao 'politicamente correto' (PC) e ao medo de dizer o que se pensa - porque pode suscitar "ondas de indignação".

Só um louco se atira de frente contra essa muralha. Mas o PC não tem apenas a ver com a correção política e "sentimental" dos tempos que correm. Veja-se a celebração do Natal, uma festa religiosa global, é certo, mas de raiz cristã - as empresas, as instituições, as pessoas, evitam desejar 'Bom Natal' e passaram a mencionar "as festas" para não "ofender os excluídos", como se a celebração do Ramadão me tornasse um "excluído" ou não assinalar o Yom Kippur me transformasse num marginalizado.

O PC é uma muralha letal que tanto proíbe o "quadro de honra" nas escolas como falsifica a História para que ninguém se queixe de ter sido derrotado ou ninguém tema ser quem é. Dez anos de parvoíce ninguém nos tira.

Kalaf Epalanga
É o seu primeiro romance - e vale (muito) a pena: 'Também os Brancos Sabem Dançar' (Caminho). História animada e nómada da música e harmonia da identidade. Kalaf entra pela porta grande.
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)