Sub-categorias

Notícia

A geringonça afinada

Eduardo Dâmaso

A geringonça afinada

A geringonça está tão afinada que daqui a pouco dança como o Bolshoi.
  • 1
  • 3
Por Eduardo Dâmaso|30.11.16
  • partilhe
  • 3
  • 1
Contra muitas previsões, a geringonça – máquina imperfeita por definição – não só funciona como está muito bem afinada. O coro de ontem no debate final do Orçamento bem o demonstra.

Toda a combatividade e retórica da esquerda ao serviço do PS faz maravilhas ao serviço da estabilidade política, do acantonamento da direita e da subida de António Costa nas sondagens.

A normalidade foi devolvida ao País, como bem se viu na intervenção final da ministra da Presidência, que nem precisou de levantar a voz para atacar à sua direita. E Costa nem sequer precisou de falar. A geringonça está tão afinada que daqui a pouco dança como o Bolshoi.
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De Sousa-da-Ponte30.11.16
    A geringonça dura enquanto durar o bodo aos pobres Todos os anos PC e BE vão pedir mais (o que se traduz num aumento da despesa) e PS irá tendo cada vez menos para dar (a criatividade para novos impostos tem limites). Quando isso acontecer vai subir a conflitualidade sindical e o PC tir
1 Comentário
  • De Sousa-da-Ponte
    A geringonça dura enquanto durar o bodo aos pobres Todos os anos PC e BE vão pedir mais (o que se traduz num aumento da despesa) e PS irá tendo cada vez menos para dar (a criatividade para novos impostos tem limites). Quando isso acontecer vai subir a conflitualidade sindical e o PC tir
    Responder
     
     0
    !

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)