Sub-categorias

Notícia

Carlos Cruz e a RTP

Carlos Anjos

Carlos Cruz e a RTP

Na ressaca do caso Casa Pia, o país assistiu à tentativa de um arguido de tentar ganhar na opinião pública o caso que perdera em tribunal. Carlos Cruz, hábil profissional de comunicação, tinha uma estratégia clara: ocupar o espaço mediático no período pós-decisão.
  • 0
  • 0
Por Carlos Anjos|17.09.10
  • partilhe
  • 0
  • 0
Carlos Cruz e a RTP

Assim, se esta lhe fosse favorável vitimizava-se acusando todos aqueles que o haviam perseguido. Se fosse condenado, usaria esse espaço para difundir os seus argumentos, criticando o acórdão e levando as pessoas a ter pena dele e a duvidarem da decisão, ao mesmo tempo que impedindo que se comentasse a sua culpabilidade. Deu uma conferência de imprensa, foi a todos os telejornais e conseguiu uma entrevista no maior semanário nacional. Lógico que tudo isto estava tratado. Contou para isso com a benevolência, o corporativismo dos seus antigos colegas, principalmente da RTP, que o levaram a todos os programas de informação.

Nunca um condenado teve tal tratamento. A RTP deve no futuro dar o mesmo espaço a todos os condenados, criando assim um outro tribunal; o da opinião pública. Ou então não se livra do estigma do corporativismo neste caso. Cruz quis ganhar na secretaria o jogo que havia perdido no campo, e a RTP concedeu-lhe os meios para que o fizesse. Parece que a coisa não correu bem, já que de tudo ficou apenas a condenação. É que o povo não é parvo.

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)