Sub-categorias

Notícia

Cavalo de milhões salta sobre dívidas

Miguel Alexandre Ganhão

Cavalo de milhões salta sobre dívidas

Filha do líder da Ongoing adquiriu um cavalo brasileiro ao milionário dos restaurantes de luxo.
  • 0
  • 10
Com o fim do Grupo Ongoing, o seu líder, Nuno Vasconcellos, não teve outro remédio senão demandar terras brasileiras para evitar penhoras, execuções fiscais e outro tipo de incómodos com credores. O Novo Banco já pediu a falência da empresa e agora é o Ministério Público que investiga a participação de Vasconcellos na Operação Marquês, que tem Sócrates como principal arguido.

Mas os rendimentos não devem faltar à família Vasconcellos. Isto porque no início do ano, Diana Vasconcellos, a filha mais velha do empresário, comprou o cavalo de saltos Cabernet do Itinga. O valor do negócio não é conhecido, mas conhecidos são os seus intervenientes. Do lado do comprador está a portuguesa Diana Vasconcellos. Do lado do vendedor está o milionário brasileiro Fabrizio Fasano Júnior, líder do império de hotéis e restaurantes de luxo da família Fasano, que inclui o Fasano em São Paulo, um dos melhores restaurantes do Brasil, muito frequentado pelo próprio por Nuno Vasconcellos.

A filha do empresário compete agora com o seu novo (e valioso) cavalo nas provas de saltos de obstáculos um pouco por todo o mundo. Ainda recentemente esteve em competição em Vilamoura, no Algarve, ficando na 37ª posição. Também no passado mês de junho, a amazona não teve sorte no hipódromo do Campo Grande ao ser eliminada no Campeonato de Portugal de Amadores. Uma dupla para ser acompanhada atentamente por espectadores e credores.

Contestam em reuniões resultados da eleição para grão-mestre do gol
Este fim de semana realizaram-se vários encontros de apoiantes do candidato derrotado à liderança do Grande Oriente Lusitano (GOL), Adelino Maltez, para analisarem os resultados que reconduziram Fernando Lima no cargo de Grão-Mestre. Da reflexão realizada deu-se conta que algumas lojas que votaram em Lima  não reúnem há bastante tempo. Falamos mais concretamente das lojas das ilhas da Madeira, Açores e Cabo Verde. Os irmãos contestatários chamam ainda a atenção para a isenção de capitações dadas a quem tem cartões de crédito dourados.

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)