Sub-categorias

Notícia

O perigo das claques

Carlos Anjos

O perigo das claques

Mais do que simples desordeiros, são bandidos. devem ser tratados como tal.
  • 0
  • 1
Por Carlos Anjos|08.12.17
  • partilhe
  • 1
  • 0
Se é verdade que as claques de futebol dão colorido e alegria ao jogo, com cânticos e coreografias, não é menos verdade que alguns dos seus membros são perfeitos delinquentes, que gostam sobretudo de andar à pancada com os membros de outras claques, provocando atos de puro vandalismo, fustigando as cidades por onde passam.

Foi isso que aconteceu na madrugada da última terça-feira no Cais do Sodré, em Lisboa. Adeptos do Benfica e do Basileia, depois de se terem confrontado na Suíça, combinaram um encontro em Lisboa. Este confronto até poderia ser equilibrado, não tivesse aparecido um grupo de seguranças privados e depois as Brigada de Intervenção Rápida da PSP, que entraram no jogo distribuindo umas bastonadas.

Quase apetece dizer que só se perderam as que caíram no chão. Estes energúmenos não têm noção dos danos que causam, quer aos proprietários dos veículos que destroem, quer aos donos dos comércios que por azar são quase varridos do mapa. Os elementos destas claques são muito mais do que simples desordeiros. São bandidos na verdadeira asserção da palavra e não pode haver qualquer contemplação para com os seus comportamentos, dentro ou fora dos estádios de futebol.

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)