Sub-categorias

Notícia

O que estava previsto

Pedro Santana Lopes

O que estava previsto

Não fazia sentido votar a 9 de dezembro, entre o feriado de sexta e o domingo.
  • 0
  • 384
Por Pedro Santana Lopes|13.10.17
Uma semana depois de Pedro Passos Coelho ter anunciado que não se recandidata à liderança, importa fazer o devido registo desse facto. O facto de que decidiu não continuar em funções, alguém que prestou notáveis serviços a Portugal, numa altura de grave crise nacional, melhor dizendo, de verdadeira emergência nacional. Pedro Passos Coelho venceu as duas eleições legislativas que disputou e acabou por sair na sequência de umas eleições para as autarquias locais.

Começaram já, entretanto, os habituais elogios a quem sai. As pessoas têm mesmo pouca preocupação com a coerência.

Nestes anos, e nomeadamente nos últimos tempos, quase só se ouvia dizer mal de Pedro Passos Coelho na opinião publicada. Agora, vê-se o contrário e rapidamente passou a presidenciável.

Depois da demissão de Pedro Passos Coelho, num conselho nacional, foi convocado um outro conselho nacional para fixar a data das eleições diretas e do congresso para se escolherem os novos órgãos nacionais. Nesse conselho nacional havia quem preferisse que as eleições fossem em breve, apesar de só um militante ter já anunciado que as iria disputar e de se ter começado a preparar, faz tempo, para o efeito. Todavia, esse conselho nacional acabaria por decidir, numa votação claríssima, a data que tive ocasião de propor ao presidente do partido: diretas a 13 de janeiro. Na verdade, não fazia sentido a outra proposta, de 9 de dezembro. Queriam que se votasse num sábado, entre o feriado de sexta, dia 8, e domingo. Julgo que não são precisos comentários.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)