Sub-categorias

Notícia

Respeito e dignidade

Miguel Guimarães

Respeito e dignidade

É falso que os médicos tenham sido aumentados nas remunerações.
  • 0
  • 0
Por Miguel Guimarães|10.08.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
O Governo apresentou uma proposta aos Sindicatos Médicos preconizando que os médicos com mais de 55 anos passem a fazer serviço de urgência. No mesmo documento afirmam que as suas remunerações aumentaram entre 15 e 20% nestes dois anos de legislatura. É falso que os médicos tenham sido aumentados nas suas remunerações.

Tal como muitos portugueses que foram espoliados, os aumentos referidos correspondem apenas a uma reposição parcial do valor do trabalho. De resto, o Governo continua a acumular uma dívida de milhões de euros aos médicos, continuando congelada a sua progressão na carreira e, consequentemente, prejudicando-os nas suas reformas.

É lamentável que o Governo proponha que os médicos com mais de 55 anos passem a fazer urgência. Numa altura em que os médicos são brutalmente pressionados e explorados pelo poder instalado, em que a síndrome de burnout e a responsabilidade não param de aumentar, em que a segurança clínica está mais ameaçada, a proposta é indigna e inaceitável.

De resto, na defesa dos doentes deveria ser obrigatório considerar a profissão de médico como de elevado risco e desgaste rápido. Os médicos saberão dar uma resposta adequada a esta ameaça à Saúde.

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)