Azeredo Lopes vai ser ouvido sobre o furto de material militar

CDS-PP quer esclarecer as "contradições e disparidades" nas declarações feitas sobre o caso.
Por Lusa|12.09.18
  • partilhe
  • 0
  • +
O ministro da Defesa volta esta quarta-feira a ser ouvido no parlamento sobre o desaparecimento de material militar de Tancos, a pedido do CDS-PP, que quer esclarecer as "contradições e disparidades" nas declarações feitas sobre o caso.

"Desde a primeira hora que as contradições e as disparidades das declarações" do primeiro-ministro, do ministro da Defesa, do chefe do Estado-Maior do Exército (CEME) e do chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas "têm sido notórias", argumentaram os democratas-cristãos no requerimento para a audição de Azeredo Lopes na comissão parlamentar de Defesa Nacional.

Os centristas pretendem que o ministro da Defesa esclareça "como pode ter a certeza de o conjunto do material furtado ter sido todo recuperado e como obteve essa garantia, considerando que o chefe do Estado-Maior do Exército afirmou na comissão que nunca a deu".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!