Sub-categorias

Notícia

Primeiro-ministro não pode "dar à sola" no caso da Caixa

PSD admite usar todas as prerrogativas para que Costa preste esclarecimentos.
Por Lusa|28.11.16
  • partilhe
  • 3
  • +
Primeiro-ministro não pode "dar à sola" no caso da Caixa
O líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro Foto José Coelho/Lusa

O líder parlamentar do PSD afirmou esta segunda-feira que o primeiro-ministro não pode "dar à sola" no caso da Caixa, admitindo usar todas as prerrogativas ao dispor dos sociais-democratas para que o líder do executivo preste esclarecimentos.

"Não excluímos nenhuma das nossas prerrogativas para podermos cumprir o nosso papel de fiscalização em nome dos portugueses", afirmou Luís Montenegro, depois de questionado se o PSD admitia chamar o primeiro-ministro, António Costa, a restar esclarecimentos na comissão parlamentar de inquérito à Caixa Geral de Depósitos.

Em conferência de imprensa no parlamento, o líder da bancada do PSD acusou o primeiro-ministro de hoje de manhã demonstrar, mais uma vez, estar a "fugir às suas responsabilidades", quando "é o ator principal deste filme, é o mentor de toda a estratégia financeira do Governo a propósito de todo o sistema financeiro e da Caixa".

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Política

pub