Sub-categorias

Notícia

GNR suspende segurança a Ministro após polémica que envolveu cão

Eduardo Cabrita deixou guardas na rua porque a presença dos mesmos causava agitação no animal.
11.11.17

A vigilância à casa do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, foi suspensa na tarde deste sábado. Os militares da GNR que garantiam a segurança na propriedade localizada em Casal da Charneca, Santarém, foram desmobilizados por ordens superiores.

A medida foi tomada depois da polémica que envolveu o cão de Eduardo Cabrita. Alegadamente, a presença dos militares causava agitação no animal, o que levou o governante a determinar que os guardas ficassem do lado de fora do muro.

No entanto, a decisão é justificada oficialmente com o facto de o MAI, que é casado com a ministra do Mar Ana Paula Vitorino, "mudar de casa nesta altura do ano, deixando a GNR de efectuar esse serviço de segurança".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De Manuel11.11.17
    Sugiro que a segurança do Ministro seja feita por família de ciganos. <br/>Tem baixo custo e é eficaz!
1 Comentário
  • De Manuel11.11.17
    Sugiro que a segurança do Ministro seja feita por família de ciganos.
    Tem baixo custo e é eficaz!
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Política

pub