Sub-categorias

Notícia

Sindicato diz que há 230 mil funcionários públicos sem progressões na carreira desde 2010

Dirigente do STE diz ter recebido garantia de que descongelamento das carreiras será feito "por fases".
Por Lusa|08.09.17
  • partilhe
  • 6
  • +
Sindicato diz que há 230 mil funcionários públicos sem progressões na carreira desde 2010
Foto Víto Mota
Cerca de 230 mil funcionários públicos não tiveram qualquer valorização salarial nos últimos sete anos, mas todos terão direito a progredir, por fases, adiantou esta sexta-feira a presidente do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado.

"Há um número significativo de trabalhadores, cerca de 230 mil, que não tiveram qualquer valorização remuneratória, mas sabemos que outros tiveram", afirmou Helena Rodrigues à saída da reunião com a nova secretária de Estado da Administração e do Emprego Público, Fátima Fonseca, no Ministério das Finanças.

A dirigente sindical disse aos jornalistas que durante o encontro houve uma "abordagem" ao relatório do Governo sobre o impacto orçamental do descongelamento de carreiras, documento ainda não divulgado, onde constará esse número.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Política

pub