Nordeste Transmontano exige novas ferrovias

Comunidade Intermunicipal pretende recuperar linhas férreas do Sabor e do Tua.
Por Ana Isabel Fonseca|29.08.18
  • partilhe
  • 0
  • +
O Nordeste Transmontano está praticamente sem transportes ferroviários. As linhas férreas do Sabor e do Tua, que atravessam o distrito de Bragança, estão ao abandono e a Comunidade Intermunicipal Terras de Trás-os-Montes exige que estas duas ferrovias sejam recuperadas para fins turísticos e comerciais – intenção que foi já transmitida à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte.

"Nesta recuperação há um duplo conceito: transformar os antigos canais ferroviários em ciclovias ou linhas ferroviárias viradas para o turismo, o que ao mesmo tempo é uma forma de revitalizar estes equipamentos e criar uma nova oferta turística", explicou Artur Nunes, presidente da Comunidade Intermunicipal.

Os percursos do Sabor e do Tua estão num elevado estado de degradação. As estações estão em ruínas, os carris estão levantados, o material de apoio foi destruído e os azulejos foram arrancados. Apenas algumas estações, como são os casos de Bragança e Mirandela, foram nos últimos anos recuperadas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!