Sub-categorias

Notícia

Advogados detidos por fraude à Segurança Social saem em liberdade

Arguidos ficam impedidos de exercer funções.
30.11.16
Advogados detidos por fraude à Segurança Social saem em liberdade
Foto CMTV
O juiz de instrução criminal no Tribunal de Braga deixou hoje em liberdade os oito arguidos detidos pela Polícia Judiciária pela alegada participação numa "associação criminosa" que terá lesado o Estado em mais de 15 milhões de euros.

Entre os arguidos estão dois advogados de Famalicão, que ficam obrigados a apresentações diárias em posto policial e a suspender a sua atividade profissional.

Também não podem ausentar-se para o estrangeiro, devendo entregar os respetivos passaportes, ficando ainda proibidos de frequentar o seu escritório profissional, quaisquer empresas, gabinetes de contabilidade ou conservatórias de registo comercial.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub