Sub-categorias

Notícia

Anabela esteve cinco dias algemada

Vítima de Grândola descreveu à PJ tortura às mãos do ex-companheiro.
Por Tânia Laranjo|10.01.17
Anabela Lopes viveu durante cinco dias em cativeiro dentro do carro que Paulo Roque usou para a sequestrar no primeiro dia do ano, em Grândola. E as marcas nos pulsos – aliadas ao relato que já fez aos inspetores da Judiciária – mostram que esteve sempre algemada com abraçadeiras de plástico até ser salva, pelas 7h00 do dia 6, sexta-feira.

A mulher, de 37 anos, está a recuperar dos ferimentos sofridos e estava previsto que ontem à noite deixasse o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, e fosse transferida para o Hospital do Litoral Alentejano para estar mais perto dos familiares.

Anabela foi ouvida informalmente pela Polícia Judiciária – só deverá prestar depoimento quando tiver alta – e relatou o terror em que viveu durante cinco dias. Confirmou o sequestro e a rota percorrida pelo ex-companheiro nesse período.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub