Sub-categorias

Notícia

Ataque selvático dentro do hospital de São João

Agente dispara tiros intimidatórios. Agressor tentou atropelar PSP na fuga.
Por Patrícia Lima Leitão e Ágata Rodrigues|15.02.18
O Hospital de São João, no Porto, abriu um inquérito para esclarecer as circunstâncias em que aconteceram as agressões "selváticas" a quatro profissionais do serviço de Urgência, na terça-feira à noite, sendo que uma das vítimas teve de ficar internada.

Quatro agressores, de um grupo de dez pessoas, atacaram os profissionais de saúde a murro e pontapé devido a uma alegada demora no atendimento de um deles. Dois dos indivíduos, pai e filho, de 39 e 19 anos, já foram identificados pela PSP.

Depois de forçar o grupo a abandonar o local, já no exterior do hospital, o agente da PSP que estava de serviço no posto policial viu-se obrigado a disparar tiros para o ar para imobilizar os suspeitos - um dos quais tentou atropelá-lo enquanto fugia. Foram chamados reforços policiais.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub