Burlões compravam smartphones com cartões alheios e revendiam a baixo custo

Aparelhos electrónicos com valores superiores a 1000 euros.
17.08.18
  • partilhe
  • 0
  • +
A Polícia Judiciária deteve dois homens, de 32 e 33 anos, que compravam aparelhos eletrónicos de elevado custo, como smartphones, através de dados de cartões de crédito de terceiros. 

"O modus operandi  do grupo consistia em efetuar encomendas dos aparelhos em causa, normalmente em valores unitários superiores a 1000 euros, através da internet,  utilizando os dados de cartões de crédito de terceiros como meio de pagamento, para posterior revenda abaixo do preço de custo", disseram as autoridades em comunicado. 

Os burlões fizeram um elevado número de encomendas, o que resultou em prejuízos de milhares de euros. As autoridades indicam que "foram apreendidos vários aparelhos eletrónicos, nomeadamente telemóveis e um computador portátil". 

Os dois suspeitos serão submetidos a "primeiro interrogatório e aplicação das adequadas medidas de coação".



pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!