Sub-categorias

Notícia

Câmara deverá assumir recolha de lixo no Porto

Vai deliberar se a Empresa Municipal do Ambiente assume de imediato o serviço.
Por Manuel Jorge Bento|11.11.17
Câmara deverá assumir recolha de lixo no Porto
Lixo acumulado nos contentores e falta de limpeza nas ruas têm sido criticadas por moradores e partidos políticos Foto Joana Neves Correia
A Empresa Municipal de Ambiente do Porto poderá assumir a operação da recolha de lixo. A decisão será tomada na terça-feira, em reunião de câmara, com base numa proposta de não adjudicar e revogar a decisão de contratação, no âmbito de um concurso público internacional, da recolha de resíduos e limpeza pública.

De acordo com o município liderado por Rui Moreira, "o executivo decidirá ainda quanto a ser a empresa municipal a iniciar de imediato os procedimentos para a prestação de todos os serviços adequados, o que decorre do facto de, desde agosto deste ano, a Câmara Municipal ter delegado a gestão de resíduos e limpeza pública", o que deixa a câmara com "um instrumento que não possuía em março de 2016" - quando foi lançado o concurso público.

As falhas e insuficiências na recolha de lixo e limpeza da cidade têm sido muito criticadas e foram um dos temas quentes da campanha eleitoral para as autárquicas de 1 de outubro passado. Várias forças partidárias referiram que esta questão está diretamente relacionada com o ‘boom’ turístico do Porto, que tem levado cada vez mais visitantes à cidade, originando o aumento da quantidade de lixo nas ruas, bem como com a realização de diversos eventos que o Porto tem acolhido e promovido.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub