Sub-categorias

Notícia

Documentário revela "provas inéditas e chocantes" do caso Maddie

Gonçalo Amaral é um dos intervenientes na produção, que mostra a nova pista seguida pela investigação.
Por Pedro Zagacho Gonçalves|21.04.17

Depois da ama que cuidou de Madeleine McCann quebrar o silêncio de 10 anos e revelar pormenores da noite do desaparecimento da menina inglesa, um canal de televisão australiano está a preparar programação especial sobre o caso e promete revelar "provas inéditas", num documentário em que será mostrada a nova pista seguida pelos investigadores.

No programa Sunday Night, do canal australiano Channel 7, vão participar os pais de Maddie, Kate e Gerry McCann, um amigo que estava com o casal na altura do desaparecimento da menina, uma criminologista, um repórter inglês, um cientista forense e Gonçalo Amaral, ex-inspetor da Polícia Judiciáris, que esteve encarregue do caso, que ainda não foi resolvido.

Documentário revela "provas inéditas e chocantes" do caso Maddie


O documentário, que será emitido no domingo, diz que vai transmitir "informações e provas chocantes" relacionadas com o desaparecimento da menina inglesa de três anos que "chocou o mundo".

Prestes a assinalar-se o 10.º aniversário do desaparecimento de Maddie, ocorrido em maio, tudo indica que a investigação do caso poderá estar a achegar ao fim. A Operação Grange, que investiga o desaparecimento de Madeleine McCann, recebeu recentemente mais de 100 mil euros de fundos para continuar a seguir novas pistas e a interrogar mais testemunhas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De maroguis21.04.17
    Os cães pisteiros sentiram cheiro a cadáver na carrinha usada pelos pais da Maddie. Sendo assim que cadáver andou lá na carrinha? Ninguém pergunta nem quer saber? Pois é, e o Gonçalo Amaral é que é parvo!!!!!!!! <br/>
4 Comentários
  • De Manuel22.04.17
    Quem abonou os cem mil euros?
    Responder
     
     0
    !
  • De Ventozeira21.04.17
    Eu gostavaque fizessem um documentário sobre a morte de Joaquim Ferreira Torres, o crime do barro branco.
    Responder
     
     0
    !
  • De maroguis21.04.17
    Os cães pisteiros sentiram cheiro a cadáver na carrinha usada pelos pais da Maddie. Sendo assim que cadáver andou lá na carrinha? Ninguém pergunta nem quer saber? Pois é, e o Gonçalo Amaral é que é parvo!!!!!!!!
    Responder
     
     3
    !
  • De tomar21.04.17
    Mas será que este caso não vai ter fim? a menina morreu, morta ou roubada. Arrumem o caso duma vez. Esta polémica já fez ressuscitar o caso do Rui Pedro que nada acrescentou ao que já se sabia e sabe-se lá quantos mais. Os Pais são responsáveis e ponto final.
    Responder
     
     1
    !

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

Portugal

PJ faz buscas na IPSS "O Sonho"

PJ faz buscas na IPSS "O Sonho"

Inquérito recai sobre suspeitas de peculato de uso, fraude na obtenção de subsídios e falsificação de documentos.

pub