“É uma dor imensa”

"Não dá para entender como é que uma coisa destas nos foi acontecer. É uma dor imensa, a maior dor do Mundo", disse ao CM Manuel Nogueira, de 43 anos, pai do menino de dez anos que, anteontem, foi violentamente atropelado por um carro, em Nine, Famalicão, quando seguia numa bicicleta. João Marcelo luta pela vida no Hospital de S. João , no Porto, mas os médicos não dão grandes esperanças à família.
19.10.09
  • partilhe
  • 0
  • +
“É uma dor imensa”
Manuel Nogueira, pai do menino, estava ontem inconsolável Foto direitos reservados

"Ele não tem nenhuma mazela visível, mas dizem-nos que a lesão é no cérebro e é muito grave ", continuou o pai, sem conseguir evitar que as lágrimas lhe inundassem os olhos.

O sofrimento da família do pequeno João não podia ser contido e os gritos de desespero da mãe da criança comoveram quem passava junto às Urgências Pediátricas. "Aí, o meu menino, que se vai embora", dizia em grande emoção.

O acidente que provocou as graves lesões ao rapaz tem apenas uma justificação para o pai da vítima. "O excesso de velocidade do condutor, que ainda por cima é de uma família nossa conhecida", revelou ao CM.

Num momento de grande tristeza, Manuel lembra com um sorriso trémulo a vontade de João em "ser um grande guitarrista".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!