Sub-categorias

Notícia

Engenheiro da Câmara de Olhão proibido de exercer funções

António Avelino Reis é suspeito de corrupção passiva.
Por Tiago Griff e João Mira Godinho|12.01.18
O técnico municipal detido por corrupção passiva saiu esta quinta-feira em liberdade, mas com suspensão de funções, proibição de exercer a atividade de engenheiro, de entrar na Câmara Municipal de Olhão e de contactar outros intervenientes processuais.

Foram estas as medidas de coação aplicadas por um juiz do Departamento de Investigação e Ação Penal de Faro (DIAP) ao engenheiro António Avelino Reis, de 65 anos, que exercia funções no departamento de Obras Particulares da câmara.

O arguido saiu em silêncio do DIAP - para onde foi levado pela Polícia Judiciária - depois de ter sido ouvido durante quase três horas pelo juiz, antes de lhe terem sido aplicadas as medidas de coação.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub