Sub-categorias

Notícia

Falta de segurança revolta moradores em Faro

EN125 e EM522 têm sido palco de vários atropelamentos, um deles com desfecho mortal.
Por Tiago Griff|14.02.18
O violento atropelamento que tirou a vida a Vitalina Brito, de 81 anos, há menos de um mês, quando atravessava o troço da Estrada Nacional 125 que passa pela localidade do Rio Seco, em Faro, levantou antigos receios dos moradores daquela zona, que há vários anos se queixam da falta de segurança rodoviária.

As preocupações estendem-se também à Estrada Municipal 522, que circunda o Rio Seco onde, no último mês, já foram atropeladas três pessoas.

"Desde 2015, quando decorriam as obras da Variante Norte de Faro, que alertámos várias vezes para que uma situação destas pudesse acontecer. Infelizmente aconteceu", lamentou ao CM Domingos Carreira, um dos residentes do Rio Seco, referindo-se ao atropelamento de Vitalina Brito.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!