Sub-categorias

Notícia

Gang faz ataque à bomba junto a cofre dos exames

Agentes da PSP de serviço na Editorial do Ministério da Educação tentaram travar roubo a caixa multibanco.
Por João Tavares e Magali Pinto|18.07.17
O gang de cinco encapuzados – em dois carros – escolheu fazer explodir um multibanco em Mem Martins, Sintra, junto a várias vias que podiam ser usadas para a fuga. Só um pormenor lhe escapou. Em frente ao posto da Galp onde estava a ATM fica a Editorial do Ministério da Educação, guardada de noite pela polícia. Os agentes da PSP ainda tentaram evitar o roubo, mas o gang fugiu. Os assaltantes deixaram ficar para trás parte do dinheiro.

Os agentes da PSP estavam dentro do enorme armazém onde são impressos e guardados os exames nacionais, quando pouco antes das 05h00 de ontem se ouviu uma explosão. Os polícias saíram, saltaram um gradeamento e tentaram travar o roubo.
Gang faz ataque à bomba junto a cofre dos exames


Mas os assaltantes aceleraram em direção ao IC19. Os cinco homens – usando gorros e roupa desportiva – acabaram por deixar para trás parte do dinheiro e uma caixa multibanco que ficou destruída na explosão, bem como danos na estrutura da bomba situada na estrada de Mem Martins.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

Exclusivos

Pedro Dias matou a sangue frio

Pedro Dias matou a sangue frio

Perita diz que homicida apontou sempre à cabeça. No caso de Liliane, já estava inanimada quando foi atingida pela segunda vez.

Exclusivos

Predador do Facebook ataca 12 meninas

Predador do Facebook ataca 12 meninas

Rui P. aliciou crianças desde os oito anos a enviarem-lhe fotos e vídeos de cariz sexual, tendo tido encontros sexuais com a maioria das vítimas.

pub