Sub-categorias

Notícia

GNR retira cadeados de escola mas boicote continua

Protesto de pais contra existência de turmas mistas em EB1/JI impediu início de ano letivo.
Por Patrícia Lima Leitão|16.09.17
  • partilhe
  • 0
  • +
GNR retira cadeados de escola mas boicote continua
Militares têm sido chamados a retirar os cadeados de escola de Aborim, Barcelos. Alunos continuam em casa Foto Paulo Vila / Jornal Barcelos
Desde terça-feira que os portões da Escola EB1/JI de Aborim, em Barcelos, estão fechados a cadeado. Dezenas de pais e encarregados de educação não se conformam com a existência de turmas mistas neste ano letivo e, ontem, ao quarto dia, voltaram a manifestar-se. A GNR tem ido ao local, todas as manhãs, retirar os cadeados, mas os alunos não comparecem.

Naquela escola, aliás, o ano escolar ainda não arrancou. "Os nossos filhos continuam em casa porque não tivemos uma resposta positiva à nossa pretensão, que é manter a escola a funcionar com quatro turmas", disse Alberto Costa, presidente da Associação de Pais, que ontem, em conjunto com os restantes pais, foi ouvido pelo diretor do Agrupamento de Escolas numa reunião que se revelou infrutífera.

"Propuseram-nos a separação da turma mista [1º e 3º anos] só durante as manhãs para acabarmos com o protesto. Mas isso é um tapa-buracos", afirmou Alberto Costa. Para hoje, pelas 21h00, já está marcada outra reunião com todos os pais e encarregados de educação. "Em princípio, segunda-feira abrimos a escola, até por não querermos prejudicar os nossos filhos. A reunião servirá para pensarmos noutras formas de protesto", concluiu.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub