Sub-categorias

Notícia

Grupo de amigos junta 55 mil euros para Hugo Ernano

Seis mil pessoas conseguiram juntar o dinheiro em 71 dias.
Por Magali Pinto|01.11.16
Um grupo de amigos conseguiu, em pouco mais de dois meses, juntar 55 mil euros para ajudar Hugo Ernano a pagar a indemnização aos pais do jovem de 13 anos que foi morto pelo militar da GNR durante uma perseguição policial, no dia 11 de agosto de 2008, em Santo Antão do Tojal, concelho de Loures.

Destes 55 mil, 44 mil serão para a mãe e 11 mil para o pai, que levou o filho para o assalto a uma vacaria que culminou numa perseguição e consequente morte do menor.

Ao que o CM apurou, o grupo Voar pelo Hugo é composto por seis mil pessoas que precisaram apenas de 71 dias para conseguir o montante de que Hugo Ernano não dispunha e que foi condenado a pagar. A par da indemnização, Ernano cumpre quatro anos de pena suspensa.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De zeferinopereira01.11.16
    A maior injustiça deste seculo feito pelos Tribunais e por quem o julgou. Deveria estar preso quem ditou tal sentença. Grande injustiça tambem cometida pelo Comando da GNR. Enfim e o pais que temos e merecemos.
9 Comentários
  • De pasv05.11.16
    Como é possivel a justiça estar tão podre! Um agente da auturidade por cumprir o que lhe é pedido é barbaramente injustiçado e ainda por cima condenado a quem lhe pede para cumprir com a lei. Oladrão saiu-lhe uma cautela da lotaria ou seja é pago para roubar. HUGO Força amigo
    Responder
     
     -1
    !
  • De AVATAR00705.11.16
    Linda justiça portuguesa. O pai é que havia de pagar essa indemnização mas chamar pai não é palavra certa olhando para onde levou o filho.
    Responder
     
     0
    !
  • De Alberto Fonseca02.11.16
    E o tiro tivesse atravessado a carrinha e atingido do outro lado da estrada na berma um cidadão honesto que voltasse do seu trabalho?
    O uso de uma arma de fogo só é justificável se a segurança ou integridade física do agente ou de um inocente estiver em causa! Nada mais!
    Responder
     
     0
    !
  • De 02.11.16
    Quem é o juiz ou a juiza que decretou esta sentença????
    se o Hugo fosse morto,? Quanto iam pagar os bandidos à familia???
    ~Para ajudar a cena, que faz ou fez o comando da GNR,
    seja bandido, tem tudo a ganhar, dão isso a entender !!!!!
    Responder
     
     4
    !
  • De bruno0001.11.16
    Bem Vindos a Portugal, neste país já nada me surpreende.
    Responder
     
     5
    !

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub