Sub-categorias

Notícia

Homicida de taxista de Monchique ouvido em Tribunal

Homem que matou por engano vai conhecer medidas de coação.
13.07.17

Vítor Valério Coquinha, o homem que matou um taxista em Monchique, está a ser ouvido esta quinta-feira no Tribunal de Portimão, em primeiro interrogatório judicial. Deverá ficar a conhecer as medidas de coação que lhe serão aplicadas, após ter sido deitod na terça-feira.

O agressor, de 48 anos, terá agido por motivos apssionais. Na terça-feira, meteu a caçadeira no carro e conduziu até ao snack-bar A Fonte, no Cabeço de Ferro, na estrada entre Monchique e Alferce.

Ao chegar, sacou da arma para matar aquele que julgava ser o amante da mulher e disparou, mas falhou o alvo. O tiro atingiu mortalmente outro homem que estava ao lado, um taxista de 73 anos, José Pacheco, de Monchique, que se encontrava na esplanada do café.

O homem foi detido pela GNR de Monchique.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub