Idosos atacados por encapuzados

Maria da Piedade teve uma faca encostada ao pescoço e António Cordeiro foi amarrado.
21.02.14
  • partilhe
  • 0
  • +
Idosos atacados por encapuzados
Maria da Piedade estava na cama com o marido, António Cordeiro, quando os encapuzados entraram Foto Rui Miguel Pedrosa

Um casal de idosos foi roubado e agredido por quatro homens armados e encapuzados, que arrombaram uma janela para entrarem na residência, enquanto as vítimas dormiam, na madrugada de ontem, em Gingil, Porto de Mós.

Maria da Piedade Cordeiro, de 79 anos, ouviu um estrondo e momentos depois os assaltantes estavam junto da cama. Sob ameaça de uma faca, foi obrigada a entregar o dinheiro – 40 euros da carteira e 250 que estavam escondidos numa mala debaixo da cama – um cordão e um fio de ouro.

"Estive sempre com uma faca encostada ao pescoço, eles meteram-me as mãos no céu da boca e ainda levei umas chapadas", contou ontem a idosa ao CM, adiantando que o marido, António Cordeiro, de 79 anos, foi agredido na cara e as mãos foram amarradas com o lençol. Maria da Piedade foi levada para a cave, onde ficou fechada até conseguir abrir um alçapão e libertar-se.

Os ladrões, que usavam luvas, revolveram a casa toda à procura de dinheiro e outros bens de valor. E ainda levaram uma arma de caça, que é do filho do casal.

Assim que ficaram sozinhos, foram a casa de uma vizinha pedir ajuda. Foram socorridos pelos bombeiros, que levaram o idoso para o hospital de Leiria.



pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!