Sub-categorias

Notícia

Julgamento do processo "Punho Cerrado" começa esta quinta-feira

21 pessoas e uma sociedade estão acusadas de associação criminosa, extorsão e exercício ilícito da atividade de segurança privada.
Por Lusa|11.01.18
  • partilhe
  • 0
  • +

O Tribunal Judicial de Leiria começa esta quinta-feira a julgar o denominado processo "Punho Cerrado", em que 21 pessoas e uma sociedade estão acusadas de associação criminosa, extorsão e exercício ilícito da atividade de segurança privada, entre outros ilícitos.

A acusação envolve também os crimes de coação e coação agravada, ofensa à integridade física qualificada, ameaça e ameaça agravada, exercício ilícito da atividade de segurança privada, detenção de arma proibida e violência doméstica.

Segundo o Ministério Público, em 2015 e 2016, nos distritos de Leiria e Coimbra, os arguidos, "inseridos numa estrutura criminosa, visaram forçar possuidores de determinados estabelecimentos, sobretudo de diversão noturna, a celebrarem contratos de prestação de segurança privada, fixando os preços, as condições de serviço, o meio de pagamento e a quantidade de segurança, os quais acatavam com receio de sofrerem represálias".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!