Sub-categorias

Notícia

Leitura de acórdão da "Operação Fénix" marcada para 9 de novembro

Artur Marques, que representa Eduardo Silva, pediu a absolvição do seu cliente de todos os crimes de que está acusado.
Por Lusa|13.07.17
  • partilhe
  • 1
  • +
O Tribunal de Guimarães marcou esta quinta-feira para 9 de novembro a leitura do acórdão do julgamento da "Operação Fénix", no qual são arguidos o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, e Antero Henrique, ex-vice presidente do mesmo clube.

A data foi avançada pelo presidente do coletivo de juízes que está a julgar o caso, após as alegações finais dos arguidos com mais crimes imputados na acusação, incluindo Eduardo Silva, o dono da empresa de segurança SPDE.

Durante a audiência, o advogado Artur Marques, que representa Eduardo Silva, o principal arguido na "Operação Fénix", pediu a absolvição do seu cliente de todos os crimes de que está acusado.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De Sádaburra13.07.17
    Ninguém vai ser condenado, vai uma aposta?
1 Comentário
  • De Sádaburra13.07.17
    Ninguém vai ser condenado, vai uma aposta?
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub