Sub-categorias

Notícia

Louvor por um mês de trabalho

A secretária de Estado do Ensino Básico e Secundário, Isabel Leite, atribuiu um louvor a um adjunto do seu gabinete que exerceu funções apenas durante um mês. Em 30 dias, a governante assinou um despacho de nomeação e outro de cessação de funções.
13.09.11
  • partilhe
  • 0
  • +
Louvor por um mês de trabalho
Secretária de Estado Isabel Leite nomeou e exonerou adjunto de gabinete no espaço de trinta dias Foto Pedro Catarino

De acordo com o Diário da República de 22 de Agosto, Isabel Leite nomeou para assessor do seu gabinete Davide Gonçalves da Silva Foguete. Esta nomeação produziu efeitos a partir de 25 de Julho. No dia 25 de Agosto, precisamente um mês depois de iniciar funções, a secretária de Estado assinava um novo despacho: "No momento em que cessa funções, é-me grato conferir público louvor ao adjunto do meu Gabinete Davide Gonçalves da Silva Foguete pelas qualidades pessoais evidenciadas e pelos sentidos de dever e lealdade demonstrados durante o período em que exerceu funções no meu gabinete", lê-se no Diário da República de 2 de Setembro.

Sobre este caso, o Ministério da Educação limita-se a dizer ao CM que "a exoneração de Davide Foguete foi feita a seu pedido, por questões pessoais".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub