Sub-categorias

Notícia

Mata amigo que lhe recusou vinho

Diamantino Gregório, 82 anos, não serviu copo a Floriano Pinto, de 56, e foi agredido à paulada.
Por Nelson Rodrigues|18.05.17
Inconformado por um amigo de longa data lhe ter recusado um copo de vinho, Floriano Pinto, 56 anos, pegou num pau e desferiu várias pancadas na cabeça de Diamantino Gregório, de 82, à porta de casa deste. Para acalmar o agressor, a vítima ainda disse para irem beber num café, em Montalegre, mas, pelo caminho, num local ermo, Floriano voltou às agressões. Pegou na cabeça de Diamantino e atirou-a por diversas vezes contra o chão de paralelos e o lancil do passeio.

Depois tentou lançar fogo ao idoso, quando este ainda estava vivo. Diamantino foi encontrado numa poça de sangue e ainda transportado ao hospital, onde morreu. O arguido, preso na cadeia de Chaves, começa a ser julgado hoje, em Vila Real, por homicídio qualificado.

O crime ocorreu a 17 de junho do ano passado, junto à Segurança Social de Montalegre. Refere a acusação que, com a vítima deitada no chão, Floriano descalçou-lhe um dos sapatos, retirou-lhe uma das meias e incendiou-a. Depois, colocou-a em cima do peito de Diamantino e também lançou fogo ao casaco que este tinha vestido, abandonando o local. O objetivo era queimar o corpo do amigo para ocultar os sinais de violência na zona da cabeça.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub