Sub-categorias

Notícia

Militar em estado grave após marchar 28 km

Vítima perdeu os sentidos na prova de acesso ao curso de precursor aeroterrestre, em Tancos.
Por João Tavares e Isabel Jordão|13.10.17
Já com alguns anos como tropa paraquedista, um jovem mostrou toda a sua ambição na carreira de militar e concorreu ao curso de precursores aeroterrestres. Numa das provas de acesso, que teve ontem lugar debaixo de 30 graus, o militar, de 23 anos, sentiu-se mal na parte final, quando já tinha percorrido 28 quilómetros. Perdeu os sentidos, foi assistido no local pela equipa médica e acabou transportado ainda inconsciente ao Hospital de Abrantes. Está na Unidade de Cuidados Continuados Intensivos Polivalente, sob monitorização contínua. À hora de fecho desta edição mantinha-se em estado grave.

Ao CM, o tenente-coronel Vicente Pereira, porta-voz do Exército, acabou por confirmar o incidente. "O que podemos dizer é que este militar sentiu-se mal durante a prova. Foi prontamente assistido e depois levado ao hospital", começou por avançar o responsável. "Para já, sabemos que está em observações e que os principais sistemas do corpo estão a funcionar. A evolução nas próximas horas é crucial. Estamos a acompanhar a situação de perto", concluiu, sem apontar qualquer causa para o sucedido.

Um episódio que faz lembrar o que aconteceu nos Comandos, em 2016, quando dois militares morreram devido a um golpe de calor durante uma prova. Foram acusados 19 militares por estas mortes.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De Manuel13.10.17
    Erros de palmatória! <br/>Os militares deveriam ser previamente inspeccionados com rigor e depois em continuo e os exercícios deveriam ser gradualmente intensificados! <br/>
1 Comentário
  • De Manuel13.10.17
    Erros de palmatória!
    Os militares deveriam ser previamente inspeccionados com rigor e depois em continuo e os exercícios deveriam ser gradualmente intensificados!
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub