Sub-categorias

Notícia

Militares da GNR acusados de agredir mulher em Ílhavo

Incidentes ocorreram no dia 22 de fevereiro de 2017.
Por Lusa|13.11.17
O Ministério Público (MP) de Aveiro acusou dois militares da GNR de agredir uma mulher com socos e pontapés, informou esta segunda-feira a Procuradoria-Geral Distrital (PGD) do Porto.

De acordo com uma nota publicada na página oficial da PGD na Internet, os factos ocorreram no dia 22 de fevereiro de 2017, quando os militares foram chamados a uma casa, em Ílhavo, para "atalhar a desacatos que aí sucediam".

"Aí chegados, um dos arguidos reagiu à exaltação com que foi recebido por uma das contendoras, chamando-a a um armazém reservado, desferindo-lhe socos e pontapés e insultando-a", refere a mesma nota.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub