Sub-categorias

Notícia

MP acusa 38 pessoas de grupo que assaltava caixas multibanco com explosão

Doze estão em prisão preventiva, sendo alguns deles acusados como reincidentes.
Por Lusa|05.12.17
  • partilhe
  • 1
  • +
O Ministério Público (MP) acusou 38 arguidos pertencentes a um grupo organizado que se dedicava a assaltos a caixas de multibanco com recurso a explosivos nos distritos de Lisboa, Santarém e Setúbal, indica a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Os 38 arguidos estão acusados dos crimes de associação criminosa, furto qualificado, violência após subtração, explosão, dano qualificado, coação, incêndio, roubo qualificado, resistência e coação, falsificação, favorecimento pessoal, branqueamento de capitais, tráfico de estupefacientes, detenção de arma proibida, segundo o MP, que requereu o julgamento em tribunal coletivo.

A PGDL adianta que os arguidos constituíram, em 2014, um grupo organizado com o objetivo de roubaram elevadas quantias em dinheiro do interior de caixas de multibanco que se encontravam em locais de fácil acesso e com consideráveis quantias em dinheiro.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub