Mulher diz que vendia droga por "amor" a dois ex-companheiros

Arguida em processo de tráfico confessa em tribunal. Comprava droga que vendia ao dobro do preço.
Por Lusa|09.01.18
Mulher diz que vendia droga por "amor" a dois ex-companheiros
Tribunal de Aveiro Foto Miguel Pereira da Silva
Uma mulher confessou esta terça-feira no Tribunal de Aveiro que se dedicava a traficar droga, justificando a atividade com o "amor" pelos seus companheiros de então, coarguidos no processo que começou a ser julgado.

"Isto não tem explicação. É o amor", disse a arguida, perante o coletivo de juízes.

A mulher começou esta terça-feira a ser julgada no Tribunal de Aveiro, num processo por tráfico de droga, juntamente com mais dois ex-companheiros. Os três estão em prisão preventiva.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!