Sub-categorias

Notícia

Pena suspensa por agredir vizinho

Bombeiro usa cajado em discussão por partilha de água de rega.
Por Fátima Vilaça|11.01.18
  • partilhe
  • 6
  • +
Pena suspensa por agredir vizinho
O Tribunal de Braga condenou esta quarta-feira a dois anos e meio de prisão, com pena suspensa, o bombeiro de Terras de Bouro acusado de, em julho de 2012, ter agredido, com golpes de cajado, um vizinho com quem mantinha um conflito antigo devido à partilha de água para regadio, em Chamoim. O pai de Martinho Lopes, também arguido, foi absolvido. O advogado do bombeiro vai recorrer.

Os dois homens foram condenados, em 2016, a sete anos de cadeia pelo mesmo crime, mas o Tribunal da Relação de Guimarães mandou repetir o julgamento devido a um "erro grosseiro" na avaliação da prova.

Pai e filho vinham acusados de um crime de homicídio na forma tentada. No entanto, o coletivo que agora julgou o caso entendeu não ter ficado provada a intenção de os dois homens matarem o vizinho. Para o tribunal ficou, contudo, provada a intenção dos agressores darem "uma sova" à vítima.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!