Sub-categorias

Notícia

Prisão efetiva para casal que plantou canábis alegando que era açafrão

Plantações feitas em terrenos de Anadia.
Por Lusa|16.05.17
O Tribunal de Aveiro condenou esta terça-feira a cinco anos de prisão efetiva um casal de 34 e 55 anos que confessou ter plantado canábis nos seus terrenos, em Anadia, começando por alegar que se tratava de açafrão.

Durante a leitura do acórdão, a juíza presidente disse que foi dada como provada "a generalidade" da matéria de facto que constava da acusação.

A magistrada explicou ainda que o tribunal decidiu não suspender a pena do casal, porque são factos "com muita gravidade" e a comunidade "não compreenderia que um tipo de conduta deste tipo não fosse punida com uma pena de prisão efetiva".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De Manuel16.05.17
    Devia ter usado a técnica do outro que plantou a erva no quintal do vizinho.
1 Comentário
  • De Manuel16.05.17
    Devia ter usado a técnica do outro que plantou a erva no quintal do vizinho.
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub