Sub-categorias

Notícia

Qualidade do ar afetada com os fogos

Partículas libertadas pelas chamas provocam dificuldades respiratórias.
Por João Saramago|19.06.17
Os incêndios devastadores que deflagraram na região Centro estão a afetar a qualidade do ar, com a acumulação de partículas que podem provocar dificuldades respiratórias.

Os dados disponibilizados pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) indicam que se regista fraca qualidade do ar nas estações do Fundão, Fornelo do Monte (Vouzela), Ervideira (Leiria) e Montemor- -o-Velho. A qualidade do ar é afetada devido à concentração elevada de partículas (PM10), provocada pela associação do fumo dos incêndios às temperaturas altas.

Estas partículas penetram profundamente nas vias respiratórias, afetando os brônquios e os alvéolos pulmonares. A inalação das partículas provoca irritações nos olhos, nariz e garganta, com consequente ocorrência de tosse e dor de cabeça, obstrução das vias respiratórias e, nos casos mais complicados, ataques de asma.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

Portugal

“Só via bolas de fogo  por todo o lado”

“Só via bolas de fogo por todo o lado”

Celestina Costa, vendedora de peixe, foi apanhada pelas chamas na EN236 e abrigou-se na carrinha refrigerada. Depois ajudou outras pessoas que foram cercadas pelo fogo.

Portugal

PJ cerca bando dos mails

PJ cerca bando dos mails

Todos os envolvidos nas trocas de mails divulgados pelo FC Porto estão na mira da investigação da PJ e do DIAP: do lado do Benfica, da arbitragem e da Liga de Clubes.

pub