Sub-categorias

Notícia

Sindicatos da PSP exigem troca de arma

Trabalho das polícias municipais não é reconhecido como sendo equivalente ao das forças de segurança.
Por M.C.|27.11.16
Sindicatos da PSP exigem troca de arma
Polícia Municipal usa pistola 7,65 Foto Vítor Mota
A Direção Nacional da PSP não reconhece o trabalho das polícias municipais como sendo equivalente ao das forças de segurança, por isso nega aos respetivos agentes o uso do mesmo tipo de arma de fogo (pistola Glock 19, calibre 9 milímetros) que o restante efetivo da PSP tem. Os agentes da Polícia Municipal de Lisboa e Porto pertencem aos quadros da PSP e estão destacados em comissão de serviço.

Segundo a lei que regula o funcionamento das polícias municipais, o modelo de arma atribuído a estes agentes é a pistola, calibre 7,65 mm. Foram precisamente estas as pistolas que receberam os últimos 40 agentes da PSP transferidos para o corpo da Polícia Municipal de Lisboa, não obstante terem tido formação nas Glock 19 pouco antes de mudarem de local de trabalho.

Os sindicatos da PSP discordam deste ato de gestão, considerando que agora que a Polícia Municipal de Lisboa vai receber competências de trânsito, deveria manter as mesmas armas.


Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub