Sub-categorias

Notícia

Suíça e fabricante da avioneta chamados a Tires

Turbinas e avioneta vistoriadas por especialistas.
Por Sérgio A. Vitorino|21.04.17
Os dois investigadores das causas da queda da aeronave que segunda-feira matou cinco pessoas em Tires - quatro ocupantes e um motorista atingido no chão - vão chamar a colaborar os fabricantes da avioneta e dos motores. O mesmo deverá acontecer com o gabinete suíço de investigação a acidentes com aeronaves.

As imagens da tragédia em Tires
Segundo apurou o CM, as convocatórias para a Piper (fabricante da avioneta) e para a Pratt & Whitney (que fez as turbinas) devem seguir em dias. Os técnicos vão vistoriar os destroços da aeronave, principalmente os motores, que se encontram em Viseu num armazém da Unidade Aviação Civil do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários.

O corpo de Virgílio de Almeida, 49 anos, única vítima mortal portuguesa, já foi libertado pela Medicina Legal, mas só hoje deverá ser entregue à família. Já os restos mortais de Jean Plé (o piloto de 69 anos, milionário das próteses ortopédicas), da mulher Christine e do casal Jean Pierre Francheschi (cirurgião de 64 anos) e Nathalie não foram ainda formalmente identificados. Ao CM, o Ministério da Justiça afirma que o processo "é mais complexo, estando a aguardar-se elementos dos seus países, não sendo possível prever-se a data de entrega dos corpos."

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub