Sub-categorias

Notícia

Tribunal decide futuro de bebé tirado aos pais

Tia garante que os pais não têm condições para criar a criança.
Por Silvana Araújo Cunha e Ana Isabel Fonseca|14.02.18
O futuro da bebé recém-nascida que foi institucionalizada, 2ª feira à noite, depois de uma tia se ter recusado a devolver a menina aos pais - que a tinham deixado, alegadamente subnutrida, com a familiar após o parto e que a tentaram recuperar -, vai ser decidido no Tribunal de Família e Menores (TFM) do Porto.

A bebé, com pouco mais de 15 dias, permanecerá, para já, numa instituição, até que o caso seja avaliado por técnicos e assistentes da Segurança Social e da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ).

O alerta foi dado à PSP pela própria tia da menina, no momento em que os pais da criança foram a sua casa, em Paranhos, na cidade do Porto, para reaver a bebé. "Nós deixámos lá a nossa filha no dia 9 só porque íamos trabalhar e depois tentámos ir buscá-la, mas a minha irmã foi sempre adiando. Quer ficar com a minha filha, mas nós não vamos deixar", assegurou o pai ao Correio da Manhã.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

pub