Sub-categorias

Notícia

Usa GNR e Marinha para burlas

Caçado pela PJ enganou oito empresas em 80 mil euros.
Por Sérgio A. Vitorino|19.10.16
  • partilhe
  • 1
  • +
Usa GNR e Marinha para burlas
Foto Ricardo Cabral
O burlão detido a semana passada pela PJ de Setúbal por ter enganado oito empresas em 80 mil euros, na maioria em alimentos como bacalhau seco e croquetes, simulava ter contactos privilegiados na Marinha e na GNR, bem como em países africanos de língua oficial portuguesa, para convencer as vítimas de que era um empresário influente.

Segundo apurou o CM junto de fontes policiais, o homem cometeu os crimes de 2012 a 2015. Mas estava fugido à Justiça desde 2008, na sequência de crimes semelhantes ocorridos em Cascais.

Foi mesmo declarado contumaz e viveu todos estes anos sem renovar o cartão de cidadão ou, por exemplo, votar. A PJ conseguiu finalmente apanhá-lo mas não lhe encontrou documentos falsos, estando a investigar como nunca caiu nos radares das polícias ou do Fisco.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Portugal

Exclusivos

Célula terrorista travada pela PJ

Célula terrorista travada pela PJ

Abdessalam Tazi, com autorização de residência em Portugal, usou centros de refugiados no nosso país para recrutamento do Daesh.

pub