Visto falso separa mulher da filha bebé

La Joie entrou em trabalho de parto no aeroporto do Porto, em agosto do ano passado.
10.01.18
Visto falso separa mulher da filha bebé
Uma congolesa de 22 anos, que entrou em trabalho de parto no aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, durante a escala de uma viagem, está separada da filha desde que a bebé nasceu em agosto do ano passado, por decisão da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens em Risco (CPCJR).

La Joie garante que viajava de Angola com destino à Bélgica por "motivos políticos", mas durante a escala no nosso país o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) reparou que o visto que a mulher tinha era falso.

A CPCJR alegou suspeitas de tráfico de seres humanos e retirou–lhe a menina.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!