Mais de um milhar de pessoas desfilaram em Lisboa em defesa do ambiente

Iniciativa da Marcha Mundial do Clima, pede o fim da exploração de combustíveis fósseis.
Por Lusa|08.09.18
  • partilhe
  • 8
  • +
Mais de um milhar de pessoas desfilaram este sábado em Lisboa, no âmbito da Marcha Mundial do Clima, pedindo o fim da exploração de combustíveis fósseis, para inverter o impacto das alterações climáticas.

Segundo a organização da marcha, no contexto europeu, as alterações climáticas, afetarão sobretudo Portugal.

"Com aquilo que já sentimos, com os recordes de temperatura que houve este agosto, com a seca que tivemos no ano passado, com as ondas de calor que começam a ser mais frequentes, com a ameaça que temos ao nosso litoral, Portugal é dos países que mais sofrerá com as alterações climáticas no contexto europeu", disse à agência Lusa Francisco Ferreira, da ZERO -- Associação Sistema Terrestre Sustentável.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!