Sub-categorias

Notícia

Alunos portugueses sem brilho a matemática, física e ciências

Portugal ficou a três pontos do 3.º melhor classificado em avaliação a nível global.
Por João Saramago|29.11.16
  • partilhe
  • 8
  • +
Alunos portugueses sem brilho a matemática, física e ciências
Foto Jorge Paula

Os alunos do 4º ano e do 12º ano participaram numa avaliação a nível mundial às disciplinas de matemática, física e ciências. Os resultados finais colocam Portugal a meio da tabela com um reduzido número de excelentes alunos.

A participação portuguesa na última edição do TIMSS (Desempenho em Matemática e em Ciências) contou com a participação de 4693 alunos do 4º ano de escolaridade, num universo mais alargado de cerca de 300 mil alunos provenientes de 50 países.

O resultado final elaborado pela Associação Internacional de Avaliação do Desempenho Educacional (IEA – sigla em inglês) indica que Portugal figura em ambas as área de saber a meio da tabela.

Os resultados globais classificados como positivos teriam de ficar acima dos 500 pontos. A matemática do 4º ano, Portugal regista um somatório de 541 pontos. A ciências, o resultado embora positivo foi mais fraco e ficou pelos 508 pontos.

Por comparação com o estudo de 2011, os alunos avaliados no ano passado melhoram a sua prestação a matemática, passando de 532 pontos para 541. Em sentido inverso a ciências houve uma descida de 522 para 508 pontos.

Por áreas regionais os melhores alunos a matemática estudam em escolas do Alto Minho, Cávado, área de Leiria e Médio Tejo. A ciências além das áreas referidas surge também a de Viseu/Dão.

A matemática os resultados de Portugal colocam-no no grupo de países com conhecimentos intermédios, mas a nove pontos do grupo com resultados elevados. A tabela de 50 países é liderada por Singapura, Portugal ocupa a 13ª  posição.

Também  a ciências os alunos portugueses estão no grupo intermédio. Mas o resultado é muito mais modesto. Na mesma tabela de países, Portugal ocupa a 32ª posição. Singapura volta a liderar a tabela.

No 4º ano a percentagem de alunos  portugueses com resultados excelentes a matemática é de 12. A ciências o valor é de 2%.

Nos resultados do 12 º ano, os alunos portugueses também ficaram longe do excelente.

No TIMSS Avançado, elaborado pelo mesmo organismo, participaram 4068 alunos portugueses num grupo de 56 mil alunos provenientes de nove países. A matemática, embora tenham ficado na 5ª posição, os alunos portugueses ficaram pelos 482 pontos, integrando o grupo de conhecimentos intermédios. A física a média de 467 pontos, colocou Portugal na 4ª posição, divulga o estudo publicado pelo Instituto de Avaliação Educativa. O resultado fica, contudo, abaixo dos 475 pontos, que foram o mínimo exigido para um conhecimento satisfatório.

Em ambas as disciplinas apenas 2% dos alunos portugueses possuem resultados excelentes.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Sociedade

pub