Sub-categorias

Notícia

Consumo de antidepressivos duplicou em Portugal

Portugueses gastaram mais de 30 milhões de euros em psicofármacos em 2016.
10.10.17
  • partilhe
  • 1
  • +
O consumo de medicamentos antidepressivos duplicou entre 2013 e 2016. Segundo dados publicados no Relatório do Programa Nacional para a Saúde Mental, divulgados esta terça-feira pela Direção Geral de Saúde, os portugueses gastaram mais de 30 milhões de euros em embalagens para a depressão, ansiedade e outros problemas de saúde mental. 

Em 2016 saíram das farmácias quase 11,8 milhões de embalagens, mais do dobro de 2013 (cerca de 5,6 milhões). O relatório revela que a maior parte das pessoas acedeu aos psicofármacos através de receita médica.

Por serem medicamentos com comparticipação estatal, os encargos do Serviço Nacional de Saúde cresceram mais de 6%, com os custos a ultrapassarem os 125 milhões de euros.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Sociedade

pub