Sub-categorias

Notícia

Funcionário à porta da empresa gera indignação nas redes sociais

Francisco Teixeira terá sido impedido de entrar nas instalações da empresa para a qual trabalha, em Guimarães.
12.10.17
A imagem de um funcionário obrigado a estar sentado à porta da empresa Brunati Cafés Lda., em Guimarães, está a gerar uma onda de indignação nas redes sociais.

O visado é Francisco Teixeira, um vendedor de café que fazia promoção à Brunati com uma carrinha e angariava clientes para a empresa há já alguns anos.

A situação foi exposta na rede social Facebook por um amigo deste, que se mostrou revoltado com aquilo a que já diz assistir há vários meses. "Hoje não fiquei indiferente e perguntei o porquê daquela situação. Pelos vistos é por causa de um processo disciplinar, está a cumprir horário ali ao sol, sem acesso ao interior da empresa, porque o patrão simplesmente não deixa", escreveu Juliano Teixeira na legenda da sua publicação, que já conta com mais de vinte mil partilhas e mais de cem comentários. 

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De zekitumba13.10.17
    E que tal denunciar a situação à Autoridade Para as Condições de Trabalho. A situação é punível pelo código de trabalho por falta de ocupação efetiva do posto de trabalho entre outras
1 Comentário
  • De zekitumba13.10.17
    E que tal denunciar a situação à Autoridade Para as Condições de Trabalho. A situação é punível pelo código de trabalho por falta de ocupação efetiva do posto de trabalho entre outras
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Sociedade

pub