Ministro da Saúde a favor do uso de canábis para fins terapêuticos

"Concordo em termos que seja regulada pela Autoridade Nacional do Medicamento", disse Adalberto Campos Fernandes.
Por Lusa|12.01.18
O ministro da Saúde manifestou-se esta sexta-feira a favor da canábis para fins terapêuticos, desde que bem regulada e com enquadramento rigoroso.

Em entrevista esta sexta-feira à Antena 1, Adalberto Campos Fernandes entende que vai ser possível introduzir com rigor a canábis como opção terapêutica agora que os diplomas do Bloco de Esquerda e do PAN vão ser debatidos na comissão parlamentar de Saúde.

Um dia depois de o assunto ter sido debatido no parlamento, o ministro disse que concorda a utilização da canábis para fins terapêuticos, mas não com a sua forma fumada, indo assim ao encontro da posição da Ordem dos Médicos.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De maisquetudo12.01.18
    Tempos modernos, não podemos comer croquetes, rissois, bolos, pasteis,beber refrigerante mas podemos fumar uns charros. País desenvolvido é assim. Já se sabia que em tempos de crise a política orientava a policia para facilitar a circulação de drogas, mas assumir isso em letra de lei é outra coisa.
1 Comentário
  • De maisquetudo12.01.18
    Tempos modernos, não podemos comer croquetes, rissois, bolos, pasteis,beber refrigerante mas podemos fumar uns charros. País desenvolvido é assim. Já se sabia que em tempos de crise a política orientava a policia para facilitar a circulação de drogas, mas assumir isso em letra de lei é outra coisa.
    Responder
     
     0
    !