Sub-categorias

Notícia

Papa Francisco chora morte do bispo do Porto

Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa marcaram presença nas cerimónias fúnebres.
Por Patrícia Lima Leitão|14.09.17
O Papa Francisco chora a morte do bispo do Porto, D. António Francisco dos Santos, e recorda-o como "o pastor afável e generoso". Numa mensagem lida ontem nas cerimónias fúnebres, na Sé do Porto, o Sumo Pontífice destacou "o incansável servidor do Evangelho e da Igreja", e manifestou o seu "pesar e solidariedade à comunidade diocesana e aos familiares de luto".
Papa Francisco chora morte do bispo do Porto

As exéquias solenes de D. António, que morreu segunda-feira aos 69 anos vítima de um ataque cardíaco, foram presididas por D. Manuel Clemente. O cardeal-patriarca de Lisboa lamentou a perda de um "queridíssimo irmão e amigo".

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o primeiro-ministro, António Costa, estiveram também presentes na cerimónia.

"Gostava muito de falar com ele e de o ouvir, era um homem muito ligado às pessoas", afirmou Costa. "Recordo-o como um amigo, de enorme afabilidade, que sabia ouvir toda a gente", disse Passos Coelho, presidente do PSD. Já Assunção Cristas, líder do CDS-PP sublinhou o seu "olhar sábio" e "sorriso de esperança".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Sociedade

pub