Pilates torna corpo mais eficaz

Prática garante uma maior consciência corporal sobre a melhor forma de sentar, estar de pé ou pegar num objeto.
Por João Saramago|24.05.18
Indicado para desenvolver a flexibilidade e a concentração, o pilates é uma prática de baixo impacto que permite mesmo a recuperação de pequenas lesões e aproveita o próprio peso do corpo para a realização de exercícios.
Em Portugal, são cada vez mais os que procuram esta prática, em particular as pessoas de meia-idade, pelos resultados obtidos em termos de qualidade de vida.

"Procuramos desenvolver um equilíbrio muscular para que o corpo de torne o mais eficaz possível", explica ao CM Carla Gonçalves, coordenadora do curso de Técnico de Desporto, realizado no CEFAD- Formação Profissional, em Lisboa. "Com a prática há um ganho em termos de consciência corporal, no sentido de tomar conhecimento da melhor postura quando estamos de pé, sentados ou, por exemplo, a apanhar um objeto, especifica.

"Há um interesse notório, nomeadamente de pessoas que com a idade possuem mazelas ao nível da coluna, por estarem muito tempo sentadas ou de pé", refere Carla Gonçalves, acrescentando que, com a evolução, "as pessoas percebem que ganham em termos de qualidade de vida devido ao reforço da musculatura". "O método de pilates consiste em trabalhar o corpo como um todo. Todos os músculos são trabalhados a partir dos músculos internos para que se crie um equilíbrio muscular total", refere.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!